Um Sonho Com Tião Carreiro

Luiz Mazza e Luciano

Numa estrada de chão vermelho com minha viola nos braços
Eu caminhava tocando a lua guiava meus passos
Na curva da Gameleira eu me vi num embaraço
Passava da Meia noite não me lembro bem a hora
O meu corpo arrepiou, coração pulou pra fora
Um homem de capa preta pediu a minha viola
O sujeito foi falando sem levantar a cartola
Ou vence o meu desafio ou levo sua alma embora

Saia fogo em seus dedos quando fazia o ponteado
Era difícil vencer o desafio do diabo
Do medo eu tirei força rezei e fui ajudado
Uma luz desceu do céu, o cão fugiu assustado
Quando no meio da luz ouviu esse ponteado
Pra te ajudar violeiro por Deus fui designado
Aquele vulto falou pode ficar sossegado
Quando perguntei seu nome eu fiquei lisogiado
Respondeu sou Tião Carreiro e vou estar sempre do seu lado

"A terra tremeu e o chão abriu e o homem de capa preta naquele instante sumiu,
Sumiu também naquele instante o maior dos violeiros e tudo não passou de um sonho
que eu tive com grande mestre Tião Carreiro"

Quem tem um anjo da guarda esta sempre protegido
É a providencia divina que nos livra do perigo
Sempre salva o inocente da trapaça do inimigo
É por isso que eu canto e conto o que aconteceu comigo

19.443 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais