Vaso Chinês II

Maskavo

exibições 1.948

Vejo esse arranjo de flores
Quase matou o seu jardim
Pois qualquer outro que fosse
Não o faria assim
É que acordo açodado
Muito de quando em vez
Vou esbarrando em mesas
Quebrando um vaso chinês

Sigo comendo a poeira
Sigo comendo a poeira

Conheço esse tal de prejuízo
Colega de outros carnavais
Em casa, na rua ou no serviço
Verdade é que eu já não agüento mais
Meu futebol é vidraça
Danço tão feio que dá dó
E só percebo o que acontece
Quando consigo ficar só

Terra Música
feedback