Barriga Crescida

Mastruz com Leite

exibições 15.989

Quando agente namorava você era uma princesa
Ai meu Deus eu me afobava diante de tanta beleza
Era um tal de roupa nova, um tal de perfume francês
E eu quase nem me aguentava pensando na primeira vez
O enxoval todo de renda com nosso nome bordado
Você era a minha prenda, eu o feliz premiado
Era amor pra toda vida, amor pra mais nunca acabar
Você bela e bem vestida e eu tão ancho a te adorar

E agora que já faz muito tempo que a gente casou
Você não se cuida, você relaxou
Até parece que brigou com o espelho
Sua cabeça tá sempre com bob
Sua caçola de um lado ela sobe
E a camisola rasgada da noite de dia ela é robe
Vá la que seja que a vida é dura
De criar filhos tira a formosura
Mas se você não enfeitar o maracá eu não posso tocar
(bis)

Enquanto eu andava de bob, a sua barriga crescia
Enquanto eu lavava a caçola que sobe a sua cueca eu fervia
Enquanto a minha camisola era o robe que usava de noite e de dia
Você se deitava na cama, virava pro lado, peidava e dormia
Enquanto eu criava os meninos você só pensava em cachaça
Passa o fim de semana jogando baralho e dominó na praça

(Refrão)
Se eu briguei com o espelho você também brigou
Se eu fiquei de joelho você rastejou
(Bis)

Se eu era uma princesa, voce principiou
Se eu era perfumada como um botão de flor
Não era fingimento, foi tudo por amor
Nenhum dos dois tá certo, nenhum dos dois errou

Se você é do jeito que é, eu sou do jeito que sou
Se você tá do jeito que tá, eu tô do jeito que tô
(Bis)

(Refrão)

Terra Música
feedback