Letras de músicas - Letras.mus.br

Outro Olhar

Mc Martinho

Vim aqui, contar uma história,
que no meu cotidiano, já é normal,
de uma mina criada em favela,
que almejava alcançar ascensão social.

Uma menina ainda muito adolescente,
da pele negra, conhecida como Suelen,
ambiciosa, não quer mais a vida sofrida,
confunde a realidade com a fantasia,

Desde a infância sempre teve uma vida dura,
lutou desde menor, pois nasceu prematura.
Hoje aos 16 se prende a uma ilusão
ao meio de status e fama no alto escalão.

Mais pra subir de vida não tinha condição
pra piorar ela ta grávida de um vacilão
se sentindo perdida e cheia de revolta
imaginou que ia embarcar num caminho sem volta.

[até que Wesley lhe ofereceu uma proposta]

Ex militar e seu irmão de criação
perguntou se de internet ela tinha noção
de um jeito debochada respondeu atrevida :
- sou braba na internet nos acordes da vida.

[Mas Wesley, da o papo, da o papo]

- Vou da o papo mas ve se não explana pra ninguém,
tem um lance que é bom pra mim e pra você também,
eu vou fazer um ganho que vai render dinheiro
quando ela viu tinha um playboy indo pro cativeiro.

Lá dentro dois comparças Vané e o Jacaré
Wesley perguntou ta dentro, Suelen disse: Jaé'
só pensando na grana e numa nova vida
imagino que ia embarcar na tal vida bandida.

[Filho do deputado, cheio de dinheiro.]

Era o refém, coagido, humilhado, ferido, despido,
em situação precária, sofrendo agressões,
porque o chefe da quadrilha queria informações.

Só pra negociar, o valor do resgate,
mais a mina Suelen, viu sua oportunidade,
em meio a fantasia ligada a ilusão
tentou se aproveitar daquela situação,

De um jeito delicada se aproximou do cativo*
viu sua chance de status, só por ser bem sucedido,
mais só que a realidade sabemos não é assim
Suelen ao ser rejeitada afara um lado ruim,

Quando a negociação do resgate teve K.Ô
ao sair do cativeiro o refém imaginou, ACABOU,
meus dias de terror, mais seu desfecho não foi assim,
nas mãos da Suelen tava seu fim,

A quadrada na mão pro refém apontou
Wesley comandou e ela disparou,
e acabou ali, aquele olhar de menina,
matando um inocente de maneira fria e calculista,

fugindo com a quadrilha sem pena ou remorso
e o que á agarrava
E pra ela foi apenas um sonho,

Ela queria poder, queria brilhar,
a mina Suelen ficou perigosa,
perdeu o olhar de inocente,
virou criminosa.

Por falta de opções ou de oportunidade,
mais um monstro criado pela sociedade,
Vim aqui, contar uma história. !

17.556 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais