exibições 124.519

Quebrei a taça da amargura
Atirei seus pedaços ao vento
Gritei bem alto:
-Viva a vida!
O sol que andava meio ausente
Voltou a brilhar novamente
Com o sorriso da mulher querida

As minhas lágrimas secaram para sempre
Sua presença mandou a saudade embora
Não sinto mais essa ansiedade louca
Quando de amor estava quase morrendo
Senti seus lábios para a vida me trazendo
Com respiração de boca a boca

Só o amor vale tudo na vida
Só o amor é a inspiração
Sem amor a esperança é perdida
Por amor escrevi esta canção

Eu sou tropeiro e adoro esta vida
A gente vai para onde quiser
Não tenho amores querência nenhuma
E nunca me prendo por uma mulher

De um pingo de raça
Essa é a vida que eu sempre quis
Levando a tropa eu vou pelo mundo
Sorrindo e cantando, sou muito feliz

Muitas mulheres bonitas me querem
Muitas promessas de amor recebi
Mas meu destino é vagar pelo mundo
Sempre cantando, sou muito feliz

0 comentários
Terra Música feedback