Letras de músicas - Letras.mus.br

Não Pára (feat. Valete)

Mind Da Gap

Ace

O hip hop não tá morto sou a prova disso vivo eu nem insisto em fazer disto o próprio ar que respiro, comida que ingiro, degiro o residuo que defecto, em quem afirma que este é um estilo abjecto eu decreto que a ignorância merece um grande dejecto é o modus vivendi estica até ser um profecto chama-se movimento não para segue sempre abranda um momento mas quando arranca é para a frente

Presto

Olha, parece que o hip hop já passou de moda aleluia porque é um ciclo que se renova a cultura ultrapassa renasce com a fenix, fonix já não é fixe fazer rimas com o comix tem piada outra fase engraçada para quem ta sempre firme como pedras na calcada, podes pisar mas quem te traz sempre a casa dos 4 elementos entra a porta ta aberta.

(2xRefrão)

Ninguém nos pode dizer auto consegue fazer stop tentam desviar-nos da rua para uma avenida pop, chama-se movimento não para segue sempre, segue, segue, quando arranca para é frente.

Ninguém nos pode dizer auto consegue fazer stop tentam desviar-nos da rua para uma avenida pop...

Ace

Mas não estamos em desfile em marcha assumida contra a farsa mantida por quem nos tapa a saída derrubamos editoras publicações e sites que nos queriam mais correctos se possível mais híbridos menos gordos mais fáceis mais lights nós mantemos-nos nos níveis altos de lipidos

Presto

Nestes anos tanta gente unida como manos, irmao pela música dança e pintura ei-los
Com elos fortes entre eles não quebram e que de outra forma nunca existiriam pensa nisso mas esta missão passa pela evolução fica completa no estado assim de estagnação tanto para criar sem barreiras tanto para fazer basta crer para este espírito não se perder.

(2xRefrão)

Ninguém nos pode dizer auto consegue fazer stop tentam desviar-nos da rua para uma avenida pop, chama-se movimento não pára segue sempre segue, Segue, quando arranca é para a frente.

Valete

Eu ouvia quando dizias que o hip hop era só para escumalha gentalha africana que só emporcalha não trabalha fornalha e insana que só trabalha e não desencalha nos bolsos so marijuana mortalhas e navalhas agora o teu filho também grama e anda de baggy jeans a toda a hora declama Valetes e Halloween's namora com uma angolana anda nos bairros de má fama vive a vida sub-urbana por mais que recrimines, o hip hop ensinou-te só o sangue é que tem cor o Homem é o seu interior o resto é só vapor o resto é incolor o resto não tem valor o resto é resto é ilusão exterior o hip hop ensinou-lhe a cultura da paz da liberdade da verdade tirou-lhe do alcatraz mental com tenacidade mostrou o trilho ao rapaz,
E hoje o teu filho é um Homem com dois H's nigga!

É irónico man! Tu cuspias no Hip Hop e agora o teu filho anda de baggy jeans a ouvir um Viriz! Ahahah!!!

Refrão

Ninguém nos pode dizer auto consegue fazer stop tentam desviar-nos da rua para uma avenida pop, chama-se movimento não para segue sempre segue, segue, quando arranca é para a frente.

  • Enviar legenda
  • Cifra
  • Ouvir música
  • Fotos
  • Vídeos
  • Imprimir
  • Corrigir
  • Enviar letra para...
32.877 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais