Letras de músicas - Letras.mus.br

Vou Mudar Meu Rumo

Ndee Naldinho

-Alô
-Oi, e aí, parceiro?
- Oi, e aí, irmão?
- E aí?
- Opa!
-Firmeza?
-Firmeza, graças a Deus, irmão
- Tô ligando pra desabafar um pouco, aí
-Pode crê
- Madrugada, mó veneno, tô aqui refletindo, imaginado
- Diz aí, irmão
- Como é que pode acontecer umas parada dessa na nossa vida, irmão?

São paulo, terra rica, vários prédios
Mas tanta gente pobre, tanta gente sofrendo
Tanta gente passando veneno, vários irmãos
Quitando vários anos de cadeia pelo que fez de errado
Num momento de desespero, por uma falta de Deus no coração
Assim como eu ninguém güenta ver seu filho passando fome, né?
Vários patifes no comando do nosso país, fazendo várias fita podre
E num acontece porra nenhuma com eles, entendeu, irmão?
Eu fiz várias fita louca mesmo, mas eu fiz com incentivo à necessidade
Não güentei ver minha coroa e meu pivete no veneno não, irmão
Eu quero que você e outros entendam também que
Eu não quero que meu filho passe o que eu tô passando
Cadeia, desprezo de alguns que viviam ao meu redor
E alguns que usaram o que eu tive antes de eu cair aqui
Aí, desculpa, mas eu precisava de alguém assim como você
Pra desabafar um pouco mesmo, irmão
Tô ligado aí sua caminhada que tá firmeza
Você também já passou vários veneno também
Você tá ligado como é, não sei se falou que tô vivendo
Não sei se falou que tô morrendo, mas sei que aqui tá foda, irmão

Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Vou mudar meu rumo

Ndde:
Mais aí fé parceiro, muita paciência
Sua mãe se revolta, lamenta sua ausência
Pega a quadrada que você usava
Lembra suas fita que ela não gostava
Parceiro, é foda, mas preciso dizer
Seu filho não tá bem, precisa de você
Sempre pergunta, mas sua mãe não quer dizer
Parceiro, onde anda você

Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Vou mudar meu rumo

Ndee:
Costa quente, várias vagabunda baba ovo
Hoje dão as costas pra você e pro seu povo
No tempo do dinheiro, carro louco equipado
Esse tempo sei, você era admirado
Onde o filho chora e a mãe não vê
Tem outros parceiros assim como você
Várias fita louca, o mundo cheio de perigo
Eu sei que quem não entra no sistema tá fudido
O diabo vive dando corda, os mano abraça
Deus fica triste e o diabo acha graça
Excesso de luxúria, todo mundo sabe
É o caminho das grades, é o fim de sua liberdade
Fita podre tem e vários bico dá
Só pra ver você rodá e segurar
Ele reza pra você ficar aí por muito tempo
E pra ver sua família aqui, no sofrimento

É, eu tô ligado, truta, mas aí, firmão

Os bicos que não gosta de você é sempre assim
O verme sorri, se sente o bandido
Diz que agora você vive fudido

Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Vou mudar meu rumo

Carro novo, dinheiro, droga, várias vagabunda no seu pé
Gozando em excesso gostoso com o que você tem
Mas a casa caiu, parceiro, cadê os que se diziam meu amigo?
Todo mundo aí numa boa e eu aqui mó veneno, é parceiro

Dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão, ei, irmão
Vou mudar meu rumo

Mas eu tenho fé, peço perdão a Deus
Por tudo que eu fiz, tudo que eu causei
Famílias chorarem
Pelos tiro que eu dei
Pele vida eu tirei, pela vida que eu tirei, irmão

Ndee:
Mas quem tem fé em Deus ele nunca abandona
Nem mesmo você, parceiro, que tá em cana
Amar a Deus, mudar, pedir perdão
Aí, parceiro, não é vergonha não
Prefiro ser um zé, mas não tirado de cuzão
Também ser muito humilde parceiro, aí não
Sou de legítima defesa é se for preciso
Tiro pedras do caminho pra me manter vivo
Gente rica rouba, nunca se fode
Eles dizem que cadeia é mansão de pobre

É pra eles no dos outro é refresco, irmão
Essa fita deixa a gente puto da vida, maluco, é foda

Mas ainda a tempo de mudar, refletir
Seu rumo, sua história, dizer parei aqui
Sua mãe, sua família que a gente acredita
Que você salve até quem te imita
Falta de emprego e de oportunidade
Deixa os manos loucos nessa cidade
Alguns odeiam o meu rap, diz que eu falo palavrão
Então melhore a vida do meu povo, seus cuzão
Parceiro aguenta firme, olha pra frente
Quem vive atrás das grades também é gente

- Pode crer aí, parceiro. Liga os muro na quebrada aí, que eu mandei um salve
Fica com Deus, irmão
- Fica com Deus também, irmão. Amém
- Desculpa ligar essa hora
- Ô, nem esquenta, irmão
- Mas é que aqui tá foda, irmão
Liga minha coroa aí que os irmão aqui tão agradecido
Agradecido pelo jumbo e tão mandando um salve pra vocês aí também
Mais uma vez fica com Deus, irmão. Até mais
- Firmão, parceiro, fica com Deus também
- Falou, irmão
- Falou, irmão. Amém

4X:(dias que se vão e eu vivo sem perdão
Morrendo na prisão ei irmão,)
2X(vou mudar meu rumo)

18.693 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais