exibições 1.269

Tião, Sebastião de Jesus, era o maior valentão
dele fugiam como o diabo foge da cruz
Quem viu do que ele era capaz
sabe que a própria polícia sempre evitava esse rapaz

Um dia Rosinha de tal, essa fera domou com seu olhar
E o pobre Tião, derrepente, que era valente
se pôs a sonhar
E então... era uma vez um Tião
sua navalha vendeu para comprar um violão

Um dia Rosinha de tal, essa fera domou com seu olhar
E o pobre Tião, derrepente, que era valente
se pôs a sonhar
E então era uma vez um Tião
sua navalha vendeu para comprar um violão.

Terra Música feedback