Letras de músicas - Letras.mus.br

Hip Hop Repente

O Surto

Sai com um chegado par um baile irado
E tinha lá uma morena que era um problema
Acompanhada do moleque que era engraçado
Embolador lá do sertão com carade peão
O doidim do lado dela começou a me encarar
Sacou que a mulher dele dava plenas condições
-Qual é o problema meu irmão?
Levantou e num pinote veio em minha direção
Foi rimando, me limando, e prum tal de "free style"
Foi me desafiando, todo puto e arrogante
E eu fui pensando, e fui tentando entender
Será que eu vou rimar pra ter que me desfazer?

É HIP-HOP É REPENTE É REPENTE É HIP-HOP
VOU BOTANDO PRA QUEBRAR
NA EMBOLADA REPENTE

Você é cobra criada que só tem motor de arranque
Mas parece um alto falante com corneta rasgada
E no coco da embolada,eu vou fazendo a minha rima
Cantando em qualquer quebrada tudo eu sei,
Ninguém me ensina!
Diga aí mungangueiro, quero ver você se garantir é agora!

Tua embolada pra mim é uma piada
Eu pego tudo e jogo pela escada
E se eu te pego na quebrada eu vou te bater
Fique esperto, lagarto que é pra tu entender
Me poupe, me deixe em paz!
Do hip-hop você não sabe nada, rapaz!
O repente e o hip-hop, todos tem o seu valor
Eu conheço a tua idéia, eu conheço o teu problema
Se tu sabe quebrar o dedo eu vou agora te dizer
Fica com essa morena, pode levar pra você, veio!

Passa a danada pra cá, que eu vou lhe mostrar
Como é que se faz, menino!
Eu rimo e limo ligeiro e vou fazendo uma mistura
Água mole e pedra dura e DJ e um pandeiro
Boto uma banda de rock pra tocar pra essa gente
É repente é hip-hop, é hip-hop é repente!

Composição: Reges Bolo, Franklin, Zé Wicley e Jucian Carlos · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Fernanda
3.963 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais