Voo da Fenix

O Terço

exibições 1.942

Disse um povo que há tempos se acabou
Que ela vive nas cinzas e há de voltar
Ela é pássaro é fogo, monstro e flor
Traz a vida e a morte juntas.

Quando a Fênix nasce do sol
As asas cobrindo o céu
Traz vida pros olhos já cegos
Pros sentidos quase mortos.

Sobre os vales de calma solidão
Nas montanhas que a neve sempre escondeu
Ela é anjo e demônio, ódio, amor
Traz a vida e a morte juntas.

Quando a Fênix nasce do sol
As asas cobrindo o céu
Traz vida pros olhos já cegos
Pros sentidos quase mortos.

Quando a Fênix nasce do sol
As asas cobrindo o céu
Traz vida pros olhos já cegos
Pros sentidos quase mortos.

Quando a Fênix nasce do sol
As asas cobrindo o céu
Traz vida pros olhos já cegos
Pros sentidos quase mortos.

Composição: Flávio Venturini e Luiz Carlos Sá · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por terezados
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.
Terra Música feedback