Letras de músicas - Letras.mus.br

Corra o Risco

Olivia Byington

Ousados lábios da cigana, você se engana.
É tão difícil ver na frente com seu medo.
Durante o dia se você deita, pela janela o inimigo
Espreita.
Você estremesse, mas fica mudo de horror, e treme de
Pavor...
Durante a noite é diferente, tá tudo escuro.
Se você pensa no futuro, cai no sono.
E no seu sonho, subitamente, a cama feita, o inimigo
Espreita
Você estremesse, mas fica mudo de horror, e treme de
Pavor...
No outro dia o mesmo medo a mesma hora
A solidão vem desde cedo, e devora
Não adianta, ela não passa... Qualquer que seja a reza
Que você faça
Por que no fundo você não pode suportar a hora de
Arriscar.
No outro dia o mesmo medo a mesma hora
A solidão vem desde cedo, e devora
Não adianta, ela não passa... Qualquer que seja a reza
Que você faça
Por que no fundo você não pode suportar a hora de
Arriscar.

1.370 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais