O Monstro do Esgoto

Os Baratas Tontas

exibições 768

Ele nasceu num esgoto sujo
Cheio de moscas e mal cheiroso
Comendo baratas e se enchendo de ódio
Tornando-se um monstro pavoroso
Vivendo nos túneis sob a cidade
No meio do nojo e da perdição
Morto-vivo acumulando maldade
Ele queria só um pouco de diversão


Refrão:

E bom ter cuidado ao sair à noite
Pois o monstro do esgoto está por aí
Com sede de sangue e olhos de pavor
Ele quebra pescoços pra se divertir

Ele esperava as noites escuras
Para poder do esgoto sair
Quebrar pescoços, mutilar garotas
Assim ele pensava se divertir
Mas um belo dia ele viu uma mina
E o monstro babaca se apaixonou
Mas ela teve um ataque quando viu seu rosto
E ele todo triste pro esgoto voltou


Refrão

Terra Música
feedback