Letras de músicas - Letras.mus.br

Foi Uma Pedra Que Rolou

Pedro Caetano

Me levavas jurando ter grande afeiçao por mim
Tu foste embora me deixando triste assim
Isto é cruel, meu Deus do Céu,
Isto é demais, isto é pecado,
E não se deixa um homem assim
abandonado.

Eu que era crente e digo o mesmo prá você,
estou desiludido.
Destruíste o castelo,
Tão bonito que eu havia construído
Tens um coração de pedra,
falsidade igual ä tua ainda não vi,
Vou viver te maldizendo,
E maldizendo o dia em que te conheci,

Foi uma pedra que rolou da ribanceira
da desilusão.
E redundou, e redundou na causa morte,
Do meu pobre, do meu pobre coração,
E eu que já pensava ter um pedacinho
Pequenino de felicidade.
Vi tudo desmoronado,
E destruído pela tua falsidade.

Me levava jurando ter grande afeição por mim
Tu foste embora me deixando triste assim
Is é cruel, meu Deus do Céu isto é demais,
Is é pecado, e não se deixa um homem assim
abandonado.

intervalo:
Foi uma pedra que rolou da ribanceira
da desilusão.
E redundou, e redundou na causa morte,
Do meu pobre, do meu pobre coração,
E eu que já pensava ter um pedacinho
Pequenino de felicidade.
Vi tudo desmoronado,
E destruído pela tua falsidade.

Me levava jurando ter grande afeição por mim
Tu foste embora me deixando triste assim
Is é cruel, meu Deus do Céu isto é demais,
Is é pecado, e não se deixa um homem assim
abandonado.

2.030 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais