Ninguém Imaginou

PG

Ninguém nunca imaginou
Que o Rei do mundo
O Salvador
Em um estábulo de Belém ia nascer
Tudo foi tão diferente
Como esperavam ver
O Salvador em um presépio
Em vez de forte, fraco ser
Foi como raiz em terra seca
Como ver a um renovo
Castigado pelo sol
Foi como uma chama na tormenta
Como ver só uma gota no deserto a escorrer
Bem-aventurado é quem nEle não acha o tropeço
Que pode nEle crer
Sem distração
Bem-aventurado é quem hoje pode recebê-Lo
E dar ao Rei morada em seu interior
E em seu coração dar-Lhe habitação

Composição: Jesús Adrián Romero e Adrián Romero · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Camila
10.432 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais