O Mensageiro

Rzo

No ar vários malucos novamente

É eu sei, eu sei que existe a lei
Os meus mano aqui também
DBS, Sabotage, Negroutil, Marrom, Cia DJ
Eu e Sandrão, pra quem conhece flashback do rap então,
Miliano rap aqui toda mão.
Eu nunca dei bola para o tédio, está escrito,
99 pra mim, foi esquisito, difícil, sinistro
Fiquei bem triste em perder-la
Ela foi a maior minha mãe, dona Lurdinha
Me criou com carinho, me ensinou
Foi com amor que demonstrou,
O que é bom
Quem conheceu seu jeitinho amou.
Tua e força e raça é o que provou
Deus te deu um bom lugar,
Quem ficou considerou
Então sigo o meu caminho
Estou aqui e não sozinho
Aliados muitos, ao meu redor RZO
Pra quem gosta do som, vai ficar bom
Mais que nunca pra mim rap é o som
Foi bom insistir, compor e ouvir o som
Vejo o rap crescendo, desenvolvendo
Com vontade de cantar com mais força pra rasgar a boca
Tipo Edi Rock a voz forte da Norte
Falar um montão pra todo mundo deixar no estado de choque
Zzzzz, assim vou vivendo, não me crescendo
A humildade me fortalece
Vou levando o rap no peito
Vários malucos daquele jeito
Assim que é e tal
1000 Grau

Coragem faz de mim, o mensageiro da favela a nossa vida é assim, muito desgosto enfim, não vamos desistir, e insistir a mesma coisa a paz está em deus

Ah, é um novo milênio
Meu coração está querendo, muita paz
Até aqui foi demais não tô querendo,
Não quero ver mais
Um presidente que só vai nôs afundar,
Nôs enterrar, ainda mais por demais.
Vai recrutando, varios PM´s se juntando
Correndo, batendo, treinando, atirando.
Quem não se acustumar com o sistema enfreta eles
Vários levaram pau pois a história nunca mente ,
Vejo nos bailes rap umas milhares de pessoas,
Não conquistamos o respeito ai, mas nem com festas boas
No meio do salão um tiroteio, desacerto,
Um mano correndo com uma mina no colo eu já conheço é daquele jeito
E o movimento, que é o escudo dos pretos
Atitude nesses trechos é ferrugem corroendo,
Me sinto magoado num estado bem chato
Isso pra mim tá claro de fato,
O que eu fiz lutei foi fraco,
Os mano erraram entenderam o contrario.
Véio Badu me diz quem não erra é feliz
Pode até fazer o que fiz mas não caia no X
Escuta o que ele diz, cabelos brancos voam pelo tempo
Veja a fumaça subir e voar pelo vento

Badu:

- Hélio, Hélio, nem tudo tá perdido
na favela também tem Caviar negão

Hélião:

- Éé Badu, pode crer, tem uns mano que é firmeza
que veste a camisa e que é merecedor né mano

Badu:

- Vamos acreditar nessa rapaziada que tá chegando
sabe por causa de que negão, eles também tem a mãezinha dele
eles tem a familia deles, e é eles que vão nos representar no
amanhã

Hélião:

- ôh Badu pode crer tamo junto, não é não Sandrão

Sandrão:

- Ahh véio Badu falo né truta, a experiencia vai falar o queirmão

Badu:

- Não há de que meu irmão, tudo que eu ensino aos meus irmãos ébela
natureza

Coragem faz de mim, o mensageiro da favela a nossa vida é assim, muito desgosto Enfim, não vamos desistir, e insistir a mesma coisa a paz está em deus
Todos serão livres no reino do céu.
Então pra jesus cristo nós tiramos o chapéu
Seu errei, me deixe tentar novamente? (Me deixa tentar)

137.097 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais