Campeão do Milenio

Teodoro e Sampaio

exibições 12.461

Eu fui convidado, pelo meu patrão,
Pra ir num leilão, de criador de gado
Fiquei tão contente agradeci o convite,
Pois conte comigo e fique sossegado
No dia do evento o meu patrão me disse,
Tenho compromisso e não posso ir
Você me representa pode botar banca,
Te dou carta branca para decidir.

Me senti um rei, fui bem recebido,
Pelo diretor daquele leilão
Veio uma princesa, sentou do meu lado,
Fez balançar o meu coração
Vi naquele olhar um brilho de esperança,
Quando perguntou de onde é que vem
Eu sou pé vermelho do meu Paraná,
Eu vou rematar até você meu bem.

Começou o grande leilão esperado,
Locutor narrando e vendendo rês
Animais de raça que valia ouro,
E eu esperava chegar minha vez
Quando de repente entrou na arena,
Um reprodutor criado por um gênio
Fui só dando lance e o touro arrematei,
Hoje levarei o campeão do milênio.

Cheguei na fazenda, muito emocionado,
Contei ao patrão o que foi decidido
Ele respondeu você fez besteira,
Não assumo nada está despedido
Retruquei dizendo quem perde é o senhor
Passe o meu dinheiro que estou indo embora
Campeão do milênio é uma raridade,
Pra dizer á verdade estou comprando agora.

Segui meu destino de cabeça erguida,
Não levando mágoa no meu coração
Hoje também sou um criador de gado,
Fornecendo sêmem pro meu ex-patrão
Na minha fazenda recebo os amigos,
De braços abertos á disposição
Agradecer a Deus é tudo que preciso,
Estou no paraíso com minha paixão.

Terra Música
feedback