Letras de músicas - Letras.mus.br

Thiagão e os Kamikazes do Gueto bem bem mais tenebroso que antes, seguindo firme a caminhada outra vez nos palco rap gangsta do Paraná tomano a cena de assalto, é nóis por nóis zé povinhada critica vivendo em conto de fada diz que eu faço apologia, crânio aberto e panela vazia, isso é apologia, policia matando inocente, isso é apologia, cadeia entupida de preso, isso é apologia, num vem me pegar pra Cristo meu rap só denúncia num é minha mãe que tem navio, meu tio que tem aeroporto pra trazer de tonelada a droga que destrói o povo, mais é nóis que ta jogado nas cadeia lotada, encontrado morto e do lado do corpo umas parada, é nóis que ta tirando mais cadeia do que precisa com direito a semi-aberto ta fechado hei justiça, é nóis que ta no pátio rezando pra num se morto, tomando tiro de 12 ou mutilado por cachorro.

Refrão: Paraná gangsta rap pique avalanche,
é nóis que ta botano a cara pra bate nos bang,
Thiagão e os Kamikazes do Gueto, bem bem
mais tenebroso que antes. (2x)

Salve tamo aê preparado pra debate com doutor que é mestrado é graduado é doutorado em que aqui nóis somo é graduado em miséria sabemos as causas e as conseqüências que leva o menor pra guerra então num vem falar que nosso rap incentiva, mafia italiana já metia bronca e nem curtia o nosso som realidade cruel nem tinha rap é o sistema que injeta ódio no nossos muleque e aqui interiorzão do Paraná só bicho solto as motoca pra cima e pra baixo atrás dos ouro, entra nas lotérica e dar voz de assalto, pra cata os malote da fita dá até um raio, também a mulecada ouvindo rap desse tipo qué roubá, qué mata, trafica ser bandido, qué muntá na garupa, senta o pau no gato, não vem joga pra nóis a culpa é desse governo safado.

Refrão: Paraná gangsta rap pique avalanche,
é nóis que ta botano a cara pra bate nos bang,
Thiagão e os Kamikazes do Gueto, bem bem
mais tenebroso que antes. (2x)

Pode ameaçar pela internet arrombado, tamo aê pra apavora pondo www ponto o caraio pra semente eu num vim, barato é louco e vou ser rap sanguinário até o fim, pondo a cabeça a premio perseguido por pm pau no cú do Djavan meu som não toca na massa fm, ecoa nos boteco e churrasco das vila, bate forte nos falante dos gol bola rasgando nas pista, é som di drão paulada aqui assusta os sistema, que arruma, arma casinha pra cantor de rap usar algema, sinceramente quem é mais agressivo, nossas letra ou 400 e pouco de salário mínimo, faz pai de família descontrolar, sem solução vai virar ladrão tio vai roubar então ta tudo bonitão é nosso som que é feio, que se foda Paraná gangsta pé vermelho.!

Refrão: Paraná gangsta rap pique avalanche,
é nóis que ta botano a cara pra bate nos bang,
Thiagão e os Kamikazes do Gueto, bem bem
mais tenebroso que antes. (2x)

19.951 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais