Conduta Junkie

Urbanóides

exibições 127

Pra você que não entende o que não vê
Nas ruas perdido ou em frente a tv
E vivendo a vida sonhando acordado
Esquecendo do mundo,trocando cigarro

Vive numa rotina sempre ao anoitecer
E assim como um vício ,não da pra esconder
Sempre de carona no mesmo buraco
Tudo vem a tona ,assim como um estalo

As luzes acendem e você como um vulto
Só enxerga a sua sombre ,fica em seu reduto...oh!

Pra você que não entende o que não vê
E assim como um vício ,não da pra esconder
Nas ruas perdido ou em frente a tv
Vive numa rotina sempre ao anoitecer
E vivendo a vida sonhando acordado
Esquecendo do mundo,trocando cigarro

As luzes acendem e você como um vulto
Só enxerga a sua sombre ,fica em seu reduto...oh!

0 comentários
Terra Música feedback