Poeira nanananana
Poeira nanananana

Entre tantos lugares aonde o sol vem se deitar
Resta o meu ranchinho onde sonhei te levar.
Ninho de aconchego, do amor do meu sertão,
Lá a Lua se esconde pra estrela vir brilhar,
E luzir, e piscar,
Aos teus olhos encontrar.

Poeira nanananana
Poeira nanananana

Lá no meu ranchinho tem lugar pra te amar.
Vinte quatro horas ao teu lado vou estar.
Nas águas do rio, no teu corpo me perder,
No orvalho da noite o teu calor me derreter.
E ao findar a madrugada o nosso amor irá raiar
(Como o sol)

Composição: Valdir Bressane · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Compositor
88 exibições
Ver mais fotos

Comentários


Quem curte?

Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais