O Granfino e o Caipira

Victor e Leo

exibições 293.612

Sou um homem da cidade
Tô chegando de viagem
Vim buscar minha moça, meu amor
A mais linda desse interior

Sei que aqui há um caipira
Que os seus olhos não tira da princesa
Mas eu chego de carrão
Mostro o bolso e ganho o seu coração

Sou o tal caipira que o granfino falou
Não escondo a questão
A moça é dona do meu coração
Ele acha que o dinheiro compra o amor
Mas se fosse fácil assim
A moça nem olhava para mim

Enquanto a gente briga por alguém
A gente fica sem ninguém
Apronta, insiste
Mas no fim das contas a moça desiste
Enquanto a gente briga por alguém
A gente fica sem ninguém
Apronta, insiste
Mas no fim das contas a moça desiste

Vou fazer de tudo um pouco
Já estou ficando louco de desejo
Uso o terno e a gravata
Falei com os seus pais
Mas deu em nada

Oh, caipira, dá um tempo
Desse jeito não aguento a insistência
Só por causa de você
Ela não decide o que vai ser

Oh, granfino, nosso caso não tem solução
Ela gosta de caubói
Com bota, espora e pinta de herói
Vou selar o meu cavalo e dizer adeus
Em seu lugar ia também
Em busca de quem só lhe queira bem

Enquanto a gente briga por alguém
A gente fica sem ninguém
Apronta, insiste
Mas no fim das contas a moça desiste

Enquanto a gente briga por alguém
A gente fica sem ninguém
Apronta, insiste
Mas no fim das contas a moça desiste
Apronta, insiste
Mas no fim das contas a moça desiste

0 comentários
Terra Música feedback