exibições 1.865

Esse sujeito, cara lisa de safado
Fica todo se ajeitando pra olhar minha mulher
Não sabe ele
Na minha gira tem poeira
Vou lhe dar uma rasteira
Pra ele ver o bom que é

Esse sujeito, de bigode aparado
Fica todo se ajeitando pra olhar minha mulher
Cabra safado, vou lhe dar uma rasteira
Vou quebrar sua prateleira e tu não fica mais de pé, vem cá

Olha, meu camarada
Nessa jogada pra tu não tem jeito não
Tás olhando o caju
Que eu já assei a castanha no chão

Esse sujeito, de bigode aparado
Cara de cabra safado
Pensa que vai ter colher
Olha pro lado
Tu já encurralado
Pede ajuda
Vai embora
E agradece se tem fé

Terra Música feedback