Letras de músicas - Letras.mus.br

O Impossível

Delittus

Como é possível você me ter nas mãos e me deixar escapar (deixar escapar)
Como é possível, depois dos erros que apontei e dos caminhos que guiei
você não quis me ouvir e insistiu em errar
Como se fosse impossível para mim te deixar

Você não sabe escolher, mas não vai mais me fazer sofrer
hoje é o dia em que o mar secou, o sol morreu
que este seja o hino do dia em que o impossível aconteceu
Você vai perceber que me perdeu
hoje você vai procurar e eu não vou estar lá
você vai saber
hoje você vai saber que nada é impossível

Como é possível você me ter nas mãos e me deixar escapar (deixar escapar)
Como é possível, depois dos erros que apontei e dos caminhos que guiei
você não quis me ouvir e insistiu em errar
Como se fosse impossível para mim te deixar

Você não sabe escolher, mas não vai mais me fazer sofrer
hoje é o dia em que o mar secou, o sol morreu
que este seja o hino do dia em que o impossível aconteceu
Você vai perceber que me perdeu
e hoje você vai procurar e eu não vou estar lá
você vai saber
hoje você vai saber que nada é impossível

(Eu não vou estar lá, eu não vou estar lá)
E eu não vou estar lá, e eu não vou estar lá
Eu não vou estar lá, e eu não vou estar
E eu não vou estar lá, e eu não vou estar lá
Eu não vou estar lá, e eu não vou

Como se fosse impossível para mim te deixar (te deixar, te deixar)

Você não sabe escolher, mas não vai mais me fazer sofrer
hoje é o dia em que o mar secou, o sol morreu
que este seja o hino do dia em que o impossível aconteceu
Você vai perceber que me perdeu
hoje você vai procurar e eu não vou estar lá
você vai saber
hoje você vai saber que nada é impossível

Composição: Matt Chelios · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Robson
Legendado por Jamile
81.464 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais