Letras de músicas - Letras.mus.br

Falando De Paz

Expressão Ativa

A cem por hora meu coração bate
Deus livrai-me de um infarte
Não vou entrar em debate nem vou bater em ninguém
É fácil chegar e "pei" mandar mais um pro além
Mas tem a lei do vai e vem a mão divina pesa
Eu oro em pensamento me afasto das trevas
Não quero ser a presa outro funeral
Já to sabendo que o bem também pode ser mal
Quero pedir para os manos ter um pingo de consciência
E que nem tudo é festa nem todo mundo é besta
Pior que um tiro na testa é uma cadeira de rodas
E você sentado ali quem te acertou não se incomoda
Inconsciente um cara aramado se ve dono da razão
Sobre a sala de um necrotério a um caixão
Que prevalece a matança famílias querem vingança
Quem procurar violência também sera uma vitima
Eu prego a paz e mais mesmo no amanhã
Se for preciso pa podia sei la
Questão de sobrevivência o mundo é complicado
Por enquanto eu só garanto não sou santo e nem diabo
Tem tanto que aprender mas o pouco que sei
Eu levarei nas canções que faço fiz e farei
Grave bem o meu nome eu vou entrar em teu sonho
Me descubra sou anjo ou demônio

Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Paravam com essa guerra (sem a guerra)
Vivendo em paz
Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Moravam nessa terra (nessa terra)
Falando de paz

Esses sonhos tem suas verdades
Que deixaram saudades
Mas mesmo assim
Faça real o teu sonho
É como se diz (seja feliz)
E vive de paz

Eu tenho tantos motivos pra ser o inverso do que sou
Me escuta e diz sobre o meu raio-x
Tenho ódio magoas lagrimas guardadas
E tem maluco até hoje ainda me jogando praga
(não não não) não é por isso que esse negro vai perder a cabeça
Sou do tipo vingativo mas vingar não presta
Pilantra tem direito de viver (se pa tem)
A justiça é pra todos ninguém julga ninguém
Eu acredito na lei do vai e vem mano
Tudo que aqui se faz aqui se paga moro
Então se cuida meu que vagabundo é mato
Pra te ferrar pe pa e bola morte é só um fato
Na violência é assim o bem se torna ruim
Cabeça fria esquenta e o santo vira capeta
O trabalho da morte é perseguir quem esta vivo
Quem procura ela te acha pra ser mais objetivo
A lei de deus é rígida tenho que respeitar
Independente do problema sempre é bom relevar
Escuta teu anjo ele fala sério
O diabo te encoraja pra leva-lo ao cemitério
Mas prevalece o bem quem é de paz
Vai ter força pra gritar sai de reto satanás
As aparências enganam eu falo porque manjo
Posso ter cara de demônio e com um coração de anjo

Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Paravam com essa guerra (sem a guerra)
Vivendo em paz
Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Moravam nessa terra (nessa terra)
Falando de paz

Meu amigo morreu
Uma bala o levou pra junto de deus
Mas ele voltou em meu sonho
Eu percebi quando eu vi
Meu mano em paz

E ai malandragem poe o xis na questão
Ou você vive na paz ou vai em paz pro caixão
Pessoalmente eu profiro caminhar certo
Realmente nem sempre é bom ser esperto
Meu deus (nosso deus)
Deu o dom da vida
E você afoga a toa em parada perdida
Sim eu tenho coragem eu faço a minha letra
Eu prefiro carregar de tinta a minha caneta
Do que usar uma escopeta e sapecar alguém
Coragem pra matar (pow pow) a maioria tem
Se todo mundo é capaz vamos deixar bem gravado
Paz paz deus seja louvado
Pra quem consegue nos entender deus abençoe
E quem discorda de nós oh que deus perdoe
Nos desejem água ou nos desejem fogo
Conforme for teu desejo que deus lhe de em dobro
Ai sim mano veremos quem é quem
Seu coração é tão cruel com seu rostinho do bem
Eu pessoalmente tenho cara de demônio
E um coração de anjo

Se nesse momento o céu se abrisse
E deus descesse em seu trono de luz
E aqui na terra escolhe a mim
Para conceder um único desejo mano
Eu desejaria que você parece um pouco
E me ouvisse

Aahh se o mano me ouvisse (manos me ouvissem)
Eu falo de paz
Aahh se o mano me ouvisse (manos me ouvissem)
Pratiquem a paz

Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Paravam com essa guerra (sem a guerra)
Vivendo em paz
Aahh se os manos me ouvissem (manos me ouvissem)
Se realmente me ouvirem
Eu só peço que pratiquem a paz

Rap Final:

Mp, eu sou um enigma como meu nome,
cujo sol sabe que o coração serão bons entendedores,
pra desvendar o que realmente quero dizer,
em cada letra, cada palavra, frase, estrofe, musica,
longa ou curta, minha face é um tanto oculta,
sou assim pra confundir aqueles que enchergam com os olhos
e não consulta o coração, não escutam a razão
e sempre acha que é dono dela,
aqui também é favela, também sou pecador,
cantor de rap nacional, tentando não errar mais do que ja errei,
procuro saber o que diz, o que prega, o padre e o pastor,
aie, mp, até mais mano, essa musica tem algo particular, de mim pra vc,
de vc pra mim, vc ladrão, maluco que esteja em paz, até mais,

EA essa é a cena. Aie!

Composição: Mpxiii · Esse não é o compositor? Nos avise.
34.239 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais