Letras de músicas - Letras.mus.br

A Minha Voz Está No Ar

Facção Central

A boca só se cala quando o tiro acerta
Eu sou o sangue o defunto no chão da favela
A oração da tia sem comida
O mendigo com a perna cheia de ferida
Eu rimo o ladrão que mata o playboy
O viciado que toma tiro do gambé do góI
O detento que corta o pescoço do refém
O alcoólatra no bar bebendo 51 também
Conto o história do traficante

Do ladrão no banco bebendo seu sangue
Do moleque com a testa no muro da febem
Do nordestino tomando sopa na cetem
Canto o corpo que bóia decomposto no rio
A 12 que entra na mansão a mil
Cadê o dinheiro tio

Não tem então bum vai pra puta que o pariu
O meu assunto é favela farinha detenção
Sou locutor do inferno até a morte facção
É uma gota de sangue em cada depoimento
Infelizmente é rap violento
Eduardo dum dum erick 12 lamento
Versos sangrentos

Pode ligar pode ameaçar
Enquanto a tampa do caixão não fechar
Minha voz ta no ar
4X a boca só se cala quando o tiro acerta-ta
Quando o tiro acerta
Falo do mano com a pt carregada

Que por porra nenhuma te mata
Da criança vendendo seu corpo por nada
Da família que come farinha com água
Ou o humilde brasileiro aqui da periferia
Que usa tênis da barraca camisa da galeria
Canta pro moleque com fome sem conforto

Não roubar seu rolex
Não cortar seu pescoço
Dá os dólares senão vai pro inferno
É isso que eu tento evitar com meu verso
Que defende quem não pode se defender
Que ta do lado de quem assalta pro filho comer
Não aceno bandeira não colo adesivo
Não tenho partido odeio político
A única campanha que eu faço é pelo ensino
E pro meu povo se manter vivo

Não enquadrar o boy de carro importado
Abaixar o revolver procurar um trabalho
É uma gota de sangue em cada depoimento
Infelizmente é rap violento
Eduardo dum dum erick 12 lamento
Versos sangrentos
Pode ligar pode ameaçar
Enquanto a tampa do caixão não fechar
Minha voz ta no ar

4X a boca só se cala quando o tiro acerta-ta
Quando o tiro acerta
Não canto pra maluco rebolar
Meu som é pra pensar pra ladrão raciocinar
Não to na tv nem no rádio
Não faço rap pra cuzão balançar o rabo
Quero minha voz dando luz pro presidiário
Denunciando a podridão do sistema carcerário
Tirando a molecada da farinha

Não quero seu filho na mesa do legista
Eu to do lado da criança com fome desnutrida
Que da bote na burguesa e corre na avenida:
"Eu sou igual qualquer ladrão
Qualquer assassino

Um revólver um motivo é só o que eu preciso
Pra roubar seu filho meter um latrocínio
Quem viu a mãe pedindo esmola tem sangue no raciocínio"
Meu ódio meu verso combinação perfeita
Revolta do meu povo é o veneno da letra
Menos violenta que um prato com migalhas
Ou o ladrão te cortando com a navalha
Eu canto o cortejo o carro funerário

O pai de família sonhando com um salário
É uma gota de sangue em cada depoimento
Infelizmente é rap violento
Eduardo dundum erick 12 lamento
Versos sangrentos

Pode ligar pode ameaçar
Enquanto a tampa do caixão não fechar
Minha voz ta no ar
A boca só se cala quando o tiro acerta-ta
Quando o tiro acerta

Composição: Facção Central · Esse não é o compositor? Nos avise.
45.572 exibições
Ver mais fotos
  1. Eu Não Pedi Pra Nascer
  2. Desculpa, Mãe
  3. Castelo Triste
  4. Estrada Da Dor 666
  5. 12 De Outubro
  6. Hoje Deus Anda De Blindado
  7. O Rei da Montanha
  8. O Menino do Morro
  9. Versos Sangrentos
  10. A Marcha Fúnebre Prossegue
  11. Apologia Ao Crime
  12. Isso Aqui É Uma Guerra
  13. Roleta Macabra
  14. Anjo Da Guarda Vs Lúcifer
  15. O Espetáculo Do Circo Dos Horrores
  16. Espada no Dragão
  17. A Bactéria FC
  18. Aonde O Filho Chora E A Mãe Não Vê
  19. Cartilha do Ódio
  20. Brincando De Marionete
  21. Sei Que Os Porcos Querem Meu Caixão
  22. Favela Sinistra
  23. O Circo Chegou
  24. Pacto com o Diabo
  25. Abismo Das Almas Perdidas
  26. A Guerra Não Vai Acabar
  27. Aparthaid No Dilúvio de Sangue
  28. Pomba Branca
  29. O Homem Estragou Tudo
  30. A Minha Voz Está No Ar
  31. Outro Caminho
  32. Front de Madeirite
  33. Proteção
  34. Sem Limites
  35. Discurso Ou Revólver
  36. A História de Um Traficante
  37. Conversando com os mortos
  38. Bala Perdida
  39. Justiça Com As Próprias Mãos
  40. CNN Periferica
  41. Colecionador de Lágrimas
  42. Sonhos Que Eu Nao Quero Ter
  43. Um Gole de Veneno
  44. A paz está morta
  45. São Paulo - Awshvitiz Versão Brasileira
  1. No fim não existem rosas
  2. Livro de Auto Ajuda
  3. Chico Xavier do Gueto
  4. Homenagem Póstuma
  5. Eu queria mudar
  6. Assalto A Banco
  7. Sem Luz No Fim do Túnel
  8. Sonhei Com O Céu
  9. A Capela Dos 50.000 Espíritos
  10. A Vida Ensina
  11. Detenção Sem Muros
  12. De Mãos Dadas Com O Inimigo
  13. Vida Loka Tambem Ama
  14. Mulheres Negras
  15. Dia dos Finados
  16. Aqui São Teus Cães
  17. Um Grito de Socorro
  18. Dias Melhores não Virão
  19. 765 Motivos Pra Morrer
  20. Mundo (part. Sérgio Saas)
  21. Resgate
  22. Alcatraz
  23. Aperte O Gatilho Por Favor
  24. Enterro De Um Santo
  25. O Show Começa Agora
  26. Tecla Pause
  27. Prepara As Algemas (part. Facção Central)
  28. Estamos de Luto
  29. Memórias do Apocalipse
  30. Aqui Ela Não Pode Voar
  31. Pesadelo do Sistema
  32. País do Futebol
  33. Não Quero Ser o Próximo Defunto
  34. Vidas Em Branco
  35. A Cidade É Nossa
  36. Lágrimas de Sangue
  37. Carnificina
  38. Pavilhão Dos Esquecidos
  39. Quando Eu Sair Daqui
  40. Eu To Fazendo o Que o Sistema Quer
  41. Cortando o Mal Pela Raiz
  42. Reflexões Do Corredor Da Morte
  43. O Poder Que Eu Não Quero
  44. Mensagem ao Céu
  45. No Trilho Do Vale Da Sombra
  1. Feridas leves
  2. Tensão
  3. Roube Quem Tem
  4. Espetáculo do Circo Dos Horrores
  5. De Encontro Com A Morte
  6. Vão Ter Que Algemar Meu Cadaver
  7. Pilantras
  8. Nós Por Nós
  9. A Paz é uma Pomba Branca
  10. Artista Ou Não
  11. A Mil Anos Luz da Paz
  12. O Passageiro da Agonia
  13. Introdução
  14. Atrás das grades
  15. O Pesadelo Prossegue
  16. IML
  17. O Que Os Olhos Veem
  18. Um Lugar Em Decomposição
  19. Dia Comum
  20. Interlúdio
  21. Não Dê a Sua Cara a Tapa
  22. O Que o Sistema Quer
  23. Finalização
  24. A Mil Anos Luz da Paz
  25. Nada É Mais Como Antigamente
  26. A Malandragem Toma Conta
  27. Quando É Que Vão Olhar Pro Inferno
  28. A Cor
  29. Vozes Sem Voz
  30. Em Nome Da Honra
  31. A Informação É a Luz
  32. Pra Vocês Faccionários
  33. Sangue, suor e lágrimas
  34. Fone maldito
  35. Morte Sem Lembrança (part. A286)
  36. No Fim Não Existe Rosas
  37. O Pavilhão Dos Esquecidos
  38. Observando o Rio de Sangue
  39. Somos Assim (Juventude de Atitude)
  40. Vida Baixa
  41. Prisioneiro do Passado
  42. Um Mundo Melhor
  43. Estratégia
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais