Letras de músicas - Letras.mus.br

Roube Quem Tem

Facção Central

Não estamos querendo influenciar ninguém
Porém nós sabemos que a vida lá fora é demais
Tanto faz ser honesto ou paga-pau de polícia
Será sempre um perdido sem nenhuma alternativa
O seu propósito apenas é proceder
O melhor possível, inconfundível, com os outros, um digno nível
Raciocínio idiota ou é necessidade?
Das duas uma, em qual se enquadra a sua promisquidade?
Apropriado, discutível, é você quem define
Resume a sua própria vida na carreira do crime
Premeditar sua morte é simples e fácil
Necrotérios melhores, seu destino provável
De 25 é difícil você não passa, é certeza
Franqueza da nossa parte mas da sua é fraqueza
Convicção absoluta da sua indiferença
É insignificante e ainda diz que compença
Dispensa aquilo que é certo, aceita o que agrada
Se regenera verbalmente e na real se acaba
Seus manos só existem quando você tem dinheiro
Impõe respeito com droga
Se julga sempre o primeiro, é implacável, prestável na arte de ser otário
E por mais que a gente queira não vai ser ao contrário
Sua necessidade se transformou em vício
Mas deixe quem não tem em paz
Se não for sacrifício seu ofício deveria entrar em extinção
Mas o governo não liga
Ignorando nossa opinião
Nós do Facção, nosso protesto é nosso pedido
Roube quem tem, mas só se for preciso

Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém
Ou roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém

Te damos mil motivos
Você persiste e se torna invisível, irreconheccível, sumido, fichado, despresível
E prejudicado
Na paranóia passa quase toda sua vida
Agora eu te pergunto
Quem é sua má companhia?
Reformatórios de menores
Prisões em DP's
Condenações em presídios
Se vangloria do que?
Somos contra o crime porém sabemos da necessidade, do esquecimento do governo e de sua parcialidade
Sua revolta tem lógica, até justificativa
Pra gente até cola só que não pra polícia
Você precisa dar um jeito na sua imperfeição
Inferior, menor, ser inútil, totalmente em vão
Sem alteração e ainda acredita em pegar a boa
Em torno dessa obsessão se desmorona a toa
Se considera com princípios e opiniões
Embora tenha se entregado ao crime diz que tem as soluções
Bem sucedido naquilo que faz
É da forma que se engana
Enquanto os civis na boa, nós o vemos em cana
Propaganda de esperto, orientação de otários
Seu grau de instrução decepciona, é precário
E já que você não melhora e o governo não muda
Roube quem tem, e não a parte que ninguém ajuda

Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém
Ou roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém

O outro lado da história, parte que decepciona
Soluciona problemas da lei
E os nossos?
Que se foda
Comando seco contra nós, com muito apoio
O nosso esforço nada vale
É simplesmente tão pouco o descaso da sociedade
Pricipal influência
Seu desinteresse é a maior delinquência
Na sequencia idiotice, parcialidade
Cooperação inegável, a nossa inferioridade
A irreversível ampliação da miséria coopera até um ponto
Porém existe o lado mau
E ambicioso rouba por sua vontade
Nem tem dificuldade
Apenas mais um embalo culpando a sociedade
Necessidade nenhuma, uma questão de doença
A sua indiferença, paranóia intensa
Inconsciência da sua parte
Dos outros, o mesmo
Objetivo dos dois lados
Apenas dinheiro
Tenha certeza, não jogamos nossa idéia fora
É que o governo não muda e quem rouba nunca melhora
Não se analisa
Piora
E só se prejudica
E mesmo estando na merda
Ignora qualquer saída
Sabemos que não foi possível a convenção de ninguém
Então apenas nos faça um favor

Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém
Ou roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem, roube quem tem
Roube quem tem, roube quem tem
Ou não roube ninguém

Composição: Facção Central · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Victor
9.265 exibições
Ver mais fotos
  1. Castelo Triste
  2. Eu Não Pedi Pra Nascer
  3. Estrada Da Dor 666
  4. Desculpa, Mãe
  5. 12 De Outubro
  6. País do Futebol
  7. Hoje Deus Anda De Blindado
  8. Um Grito de Socorro
  9. Colecionador de Lágrimas
  10. Versos Sangrentos
  11. O Menino do Morro
  12. A Bactéria FC
  13. Roleta Macabra
  14. A Marcha Fúnebre Prossegue
  15. O Rei da Montanha
  16. Anjo Da Guarda Vs Lúcifer
  17. O Espetáculo Do Circo Dos Horrores
  18. Isso Aqui É Uma Guerra
  19. Brincando De Marionete
  20. Aonde O Filho Chora E A Mãe Não Vê
  21. Apologia Ao Crime
  22. Aparthaid No Dilúvio de Sangue
  23. O Circo Chegou
  24. Espada no Dragão
  25. Cartilha do Ódio
  26. Sei Que Os Porcos Querem Meu Caixão
  27. O Homem Estragou Tudo
  28. A Minha Voz Está No Ar
  29. Favela Sinistra
  30. Pacto com o Diabo
  31. Chico Xavier do Gueto
  32. Proteção
  33. A Guerra Não Vai Acabar
  34. Outro Caminho
  35. Front de Madeirite
  36. Pomba Branca
  37. Conversando com os mortos
  38. Abismo Das Almas Perdidas
  39. Discurso Ou Revólver
  40. Livro de Auto Ajuda
  41. São Paulo - Awshvitiz Versão Brasileira
  42. Sem Luz No Fim do Túnel
  43. Alcatraz
  44. Sem Limites
  45. A Vida Ensina
  1. Sonhos Que Eu Nao Quero Ter
  2. Bala Perdida
  3. Justiça Com As Próprias Mãos
  4. CNN Periferica
  5. 765 Motivos Pra Morrer
  6. De Mãos Dadas Com O Inimigo
  7. A Capela Dos 50.000 Espíritos
  8. Assalto A Banco
  9. No fim não existem rosas
  10. Pesadelo do Sistema
  11. Vida Loka Tambem Ama
  12. A Cidade É Nossa
  13. Resgate
  14. A História de Um Traficante
  15. Sonhei Com O Céu
  16. Memórias do Apocalipse
  17. Um Gole de Veneno
  18. O Show Começa Agora
  19. Dias Melhores não Virão
  20. Vidas Em Branco
  21. Dia dos Finados
  22. Eu queria mudar
  23. Detenção Sem Muros
  24. A Mil Anos Luz da Paz
  25. Aperte O Gatilho Por Favor
  26. Cortando o Mal Pela Raiz
  27. Mundo (part. Sérgio Saas)
  28. Estamos de Luto
  29. O Passageiro da Agonia
  30. Lágrimas de Sangue
  31. Tecla Pause
  32. Prepara As Algemas (part. Facção Central)
  33. A paz está morta
  34. Mulheres Negras
  35. Carnificina
  36. IML
  37. No Trilho Do Vale Da Sombra
  38. Homenagem Póstuma
  39. Aqui São Teus Cães
  40. O Pesadelo Prossegue
  41. Não Quero Ser o Próximo Defunto
  42. Eu To Fazendo o Que o Sistema Quer
  43. Vozes Sem Voz
  44. O Que o Sistema Quer
  45. Mensagem ao Céu
  1. Enterro De Um Santo
  2. Espetáculo do Circo Dos Horrores
  3. Tensão
  4. Aqui Ela Não Pode Voar
  5. O Poder Que Eu Não Quero
  6. Feridas leves
  7. Pilantras
  8. De Encontro Com A Morte
  9. Um Mundo Melhor
  10. Vão Ter Que Algemar Meu Cadaver
  11. O Que Os Olhos Veem
  12. Dia Comum
  13. Prisioneiro do Passado
  14. A Paz é uma Pomba Branca
  15. A Cor
  16. Nós Por Nós
  17. Pavilhão Dos Esquecidos
  18. Reflexões Do Corredor Da Morte
  19. Estratégia
  20. Nada É Mais Como Antigamente
  21. Em Nome Da Honra
  22. Fone maldito
  23. Um Lugar Em Decomposição
  24. Quando Eu Sair Daqui
  25. Quando É Que Vão Olhar Pro Inferno
  26. Não Dê a Sua Cara a Tapa
  27. Pra Vocês Faccionários
  28. Observando o Rio de Sangue
  29. A Malandragem Toma Conta
  30. Sangue, suor e lágrimas
  31. Atrás das grades
  32. Interlúdio
  33. Roube Quem Tem
  34. Artista Ou Não
  35. A Informação É a Luz
  36. Finalização
  37. Somos Assim (Juventude de Atitude)
  38. Introdução
  39. Morte Sem Lembrança (part. A286)
  40. No Fim Não Existe Rosas
  41. O Pavilhão Dos Esquecidos
  42. Há Mil Anos Luz da Paz
  43. Vida Baixa
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais