Talvez

Rashid

Talvez suas amigas tenham razão
Talvez eu seja largado demais pra merecer seu coração
Vagabundo demais, que tinha sido sortudo demais
Por ganhar um pouco da sua atenção
Talvez eu não seja o cara padrão
Talvez você me ache muito nerd ou muito cafetão
Talvez eu viva muita ação
E você só queira um príncipe que jante com seus pais e peça sua mão
Me parece mesmo sem noção, um cara que tá sempre em reunião
Você nem sabe o que ele faz direito
E pra todo efeito vive dizendo por aí que tem uma missão
Nunca atende o telefone quando liga (Não!)
Não entende que por isso você briga (Não!)
Mas você sente que esse frio na barriga
É mais mais que coincidência
É tráfico de influência, é magico
Quando você larga seu mundo e seu tudo pra ficar aqui
Eu digo que isso tudo é lógico
Quando você liga eu logo sinto uma vontade de tá aí contigo
Olho pro relógio, se você vem
Não sei se sou refém ou se eu sou o seu abrigo
E agora como eu vou dormir se não tenho ela aqui
Não sei bem o que essa mina fez comigo!

Sei que você gosta
Sei que você gosta de mim e do meu jeito de ser
Gosta de mim, sei que você gosta, mas seu defeito é dizer
Talvez, sim. Talvez, não. Talvez sim, talvez, não.
Talvez, sim. Talvez, não. Talvez sim, talvez, não.

Talvez você tenha medo do futuro
Talvez goste de ficar em cima do muro
Talvez pense que achar o homem ideal seja difícil
Como encontrar uma agulha no palheiro no escuro
Talvez eu seja o bandido dessa relação (sim!)
Mas já te tirei de tantos apuros
Graças a isso, cê me deve uma, duas, três
E da próxima vez eu cobro com juros (eu juro!)
Posso ser o cara mau se você pedir
O namorado normal se eu decidir (aham!)
Mas qual seria a graça se eu fosse assim
Se você gosta dessa coisa das ruas em mim
Sei que você me conhece das ruas, enfim
Então esquece o que as pessoas te falaram
Se suas amigas dizem que caras como eu não prestam
É porque elas ainda não provaram (há!)

Sei que você gosta
Sei que você gosta de mim e do meu jeito de ser
Gosta de mim, sei que você gosta, mas seu defeito é dizer
Talvez, sim. Talvez, não. Talvez sim, talvez, não.
Talvez, sim. Talvez, não. Talvez sim, talvez, não.

Às vezes sou grudento, às vezes mais maloca
Mas eu sei que você não me troca
Às vezes ciumento, às vezes parece que pouco importa
Mas eu sei que você não me troca
Às vezes sou marrento, um pouco idiota
Mas eu sei que você não me troca
Mas se esse é o momento, então se toca
Talvez o que se eu sei que você não me troca

Sei que você gosta
Sei que você gosta de mim e do meu jeito de ser
Gosta de mim, sei que você gosta, mas seu defeito é dizer: talvez!

Composição: Sabe quem é o compositor? Envie pra gente.
Enviada por Francieli
Legendado por Maiara
467.284 exibições
Ver mais fotos
Músicas
Ouvindo agora ouvintes online
    Artistas
    Estilos Musicais
    Playlists
    Recentes
      Destaques
      Últimos destaques
      Mais